skip to Main Content
25 de outubro de 2020 | 09:41 pm

BAHIA: CONCURSOS EM UNIVERSIDADES FEDERAIS OFERECEM 257 VAGAS. SALÁRIO CHEGA A R$ 3,7 MIL

Tempo de leitura: < 1 minuto

concursosTrês universidades federais baianas abrem hoje (4) o prazo de inscrições em concurso público para servidor técnico-administrativo. Além da Universidade Federal do Sul da Bahia (confira informações aqui), também abriram inscrições a Federal do Oeste da Bahia (UFOB) e a Universidade Federal da Bahia Ufba). O prazo será encerrado em 22 de abril nos três certames.
A UFOB (reitoria em Barreiras) oferece 154 vagas; a UFSB (reitoria em Itabuna) outras 92 e Ufba (Salvador) oferta 11, num total de 257 vagas.
Os editais e os anexos com descritivos dos cargos podem ser consultados na página de concursos da Ufba (confira aqui). A inscrição custa R$ 80,00 para cargos de nível médio (Classe D) e R$ 120,00 para os de nível superior (Classe E).
As vagas são para os níveis médio e superior. Nas três unidades, a remuneração inicial para nível médio (salário mais auxilio) é de R$ 2.412,89). Para os cargos de nível superior, R$ 3.765,42. A previsão de aplicação da prova é 1º de junho. O resultado está previsto para 30 de junho.
As aulas na Universidade Federal do Sul da Bahia – que terá campi em Itabuna, Teixeira de Freitas e Porto Seguro – devem começar na segunda semana de setembro.

UFSB ABRE INSCRIÇÕES EM CONCURSO PARA SERVIDOR TÉCNICO-ADMINISTRATIVO

Tempo de leitura: 2 minutos
UFSB oferece 92 vagas para a área técnico-administrativa (Foto Divulgação).

UFSB oferece 92 vagas para a área técnico-administrativa (Foto Divulgação).

Da Redação
Será aberto nesta sexta-feira (4), às 10h, o período de inscrições no concurso para servidor técnico-administrativo da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB). A instituição oferecerá total de 92 vagas para os níveis médio e superior nos campi de Itabuna – onde funcionará a reitoria -, Porto Seguro e Teixeira de Freitas.
CONFIRA EDITAL
A remuneração inicial é R$ 2.412,89 para cargos de nível médio e R$ 3.765,42 para as 49  vagas de nível superior.O prazo de inscrição encerra-se no dia 22.
A taxa de inscrição ficou definida em R$ 80,00 para nível médio e médio técnico e R$ 100,00 para cargos de nível superior. Quem deseja pedir isenção, o prazo para apresentar requerimento começa amanhã (4) e vai até dia 9.

NÍVEL MÉDIO
As 43 vagas de nível médio oferecidas no concurso da UFSB são para assistente de administração (25 vagas), técnico em tecnologia da informação (10), técnico em contabilidade (5) e tradutor/intérprete em Linguagens de Sinais (3).
NÍVEL SUPERIOR
Já as vagas de nível superior são para administrador (5 vagas), analista de tecnologia da informação (6), arquiteto e urbanista (2), arquivista (1), assistente social (2), bibliotecário (1), contador (2), enfermeiro (3), engenheiro civil (4), engenheiro eletricista (3), engenheiro de segurança do trabalho (1), jornalista (1), médico do trabalho (1), nutricionista (1), psicólogo (1), secretário executivo (6) e técnico em assuntos educacionais (9).
As provas serão aplicadas pela instituição tutora da UFSB, a Universidade Federal da Bahia (Ufba), no dia 1º de junho, às 13h10min, em Itabuna, Porto e Teixeira de Freitas. A divulgação do resultado está prevista para 30 de junho.
POSTOS DE ATENDIMENTO
A UFSB instalou postos de atendimento para informações sobre o concurso nas três cidades onde a instituição funcionará. Em Itabuna, será na Rua Almirante Tamandaré, 405, Centro.
Já em Porto Seguro, o posto funcionará na Rua Manoel Fernandes de Almeida, 26, centro. A unidade para atendimento em Teixeira de Freitas será na Praça Joana Angélica, 250, São José. Há, ainda, a opção de atendimento pelo email ssoa@ufba.br.

CONCURSOS OFERECEM MAIS DE 30 MIL VAGAS E ATÉ R$ 22,7 MIL DE SALÁRIO

Tempo de leitura: 8 minutos
UFSB oferece 120 vagas para os níveis médio e superior (Foto Divulgação).

UFSB oferece 120 vagas para os níveis médio e superior (Foto Divulgação).

Concursos com vagas em aberto em todo o país oferecem total de 30.716 oportunidades de emprego para todos os níveis. A maior remuneração é oferecida pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro: R$ 22.797,33.
São 17.237 vagas para cargos de nível superior, 6.252 para profissionais de nível médio,  3.085 para nível técnico e 3.867 de nível fundamental, conforme levantamento da Folha Dirigida.
Outros concursos abertos são os das novas universidades federais baianas – a UFOB, no oeste do estado, e a UFSB, na região sul (Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas).
As duas universidades federais do estado oferecem vagas para níveis médio e superior. São 120 vagas na universidade sul-baiana (confira aqui e aqui) e 155 na instituição do oeste (veja aqui).
Abaixo, clique no “leia mais” e confira editais de outros cem concursos públicos no país.

Leia Mais

CONCURSO DA UFSB OFERECE 92 VAGAS PARA TÉCNICO-ADMINISTRATIVO. SALÁRIO CHEGA A R$ 3,7 MIL

Tempo de leitura: 2 minutos
Ufesba abre 92 vagas para cargos técnico-administrativos (Foto Pimenta).

Ufesba abre 92 vagas para cargos técnico-administrativos (Foto Pimenta).

Da Redação
Acaba de sair o edital do concurso público da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) para os cargos técnicos-administrativos dos campi de Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas. São 49 vagas para profissionais de nível superior e 43 para nível médio ou médio técnico. A remuneração vai de R$ 2.412,89 (nível médio) a R$ 3.765,42 (superior).
As vagas de nível superior são para administrador (5 vagas), analista de tecnologia da informação (6), arquiteto e urbanista (2), arquivista (1), assistente social (2), bibliotecário (1), contador (2), enfermeiro (3), engenheiro civil (4), engenheiro eletricista (3), engenheiro de segurança do trabalho (1), jornalista (1), médico do trabalho (1), nutricionista (1), psicólogo (1), secretário executivo (6) e técnico em assuntos educacionais (9).
As vagas de nível médio são para assistente de administração (25 vagas), técnico em tecnologia da informação (10), técnico em contabilidade (5) e tradutor/intérprete em Linguagens de Sinais (3).
INSCRIÇÃO COMEÇAM DIA 4
As inscrições começam às 10h da próxima sexta-feira (4) e vão até as 23h59min do dia 22 de abril, no endereço www.concursos.ufba.br/tecnicos.html. A taxa para os cargos de nível superior será R$ 100,00 e para os de nível médio, R$ 80,00. O pedido de isenção terá de ser feito entre 4 e 9 de abril.
A prova será aplicada no dia 1º de junho, conforme o edital. O resultado está previsto para 30 de junho. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais para quase todos os cargos.
CONCURSO PARA PROFESSOR
Ontem (27), a UFSB abriu inscrições para concurso público que visa contratar professores. São 28 vagas para os três campi (confira mais aqui). Atualizado às 10h/29.03

CEPLAC E UFSB DEFINEM PARCERIA NA CRIAÇÃO DE CURSOS, PESQUISA E PARQUE TECNOLÓGICO

Tempo de leitura: 2 minutos
Representantes das duas instituições definem parcerias.

Representantes das duas instituições definem parcerias.

Um workshop reunindo dirigentes e técnicos da Ceplac e Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), entre segunda-feira (10) e quinta-feira (13), definiu a minuta do termo de cooperação que envolve o compartilhamento do acervo de pesquisa, implantação de cursos de pós-graduação na Ceplac e implantação de parque tecnológico.
Para o superintendente da Ceplac na Bahia, Juvenal Maynart, essa é a parceria institucional “mais relevante de que se tem notícia na história recente do órgão”. Segundo ele, o objetivo é garantir que a ciência produzida pela Ceplac não se perca por falta de quem dê seguimento às pesquisas que hoje são desenvolvidas. “São anos de estudo que poderiam se perder por completo, com a dificuldade de novas contratações que a Ceplac enfrenta há décadas”.
A UFSB recebe um acervo que talvez demorasse décadas para construir, se começasse do zero. “É o casamento institucional perfeito, do ponto de vista do ganho da sociedade e, por que não dizer, da satisfação pessoal de dezenas de nossos cientistas que estão se aposentando e temiam ver seu trabalho de anos ser jogado fora”, observa Maynart.
O entusiasmo é compartilhado por representantes da UFSB. A vice-reitora, Joana Angélica Guimarães, diz que a expectativa era de que, durante essa semana, fosse discutida apenas a implantação de cursos de pós-graduação, mas o interesse comum das duas instituições levou a discussão para o caminho da parceria mais ampla.
Para o decano de Ciências Ambientais da UFSB, Asher Kiperstok, essa parceria com a Ceplac vai garantir o que nenhuma outra nova universidade brasileira teve em sua criação e início de atividades.
CURSOS  DE ESPECIALIZAÇÃO
A parceria prevê ainda a criação de cursos em nível de pós-graduação (especialização, mestrado e doutorado), que já devem estar em funcionamento a partir de setembro, na área da Ceplac.
De acordo com o chefe do Centro de Pesquisas do Cacau (Cepec), Adonias de Castro, o workshop discutiu inicialmente 14 temas para os futuros cursos de pós-graduação. “Chegamos a cinco temas prioritários: Gestão da Produção Agropecuária; Gestão e Defesa Ambiental e Fitossanitária; Sistemas Agroflorestais; Organizações Socioprodutivas; e Arranjos Produtivos do Cacau”.
Conforme o assessor de Planejamento da Superintendência da Ceplac na Bahia, Wellington Duarte, a ideia dos parques tecnológicos vem sendo trabalhada há algum tempo, inclusive com visita a equipamentos já implantados em diversas regiões do país. Serão aproveitadas ideias de estudantes dos institutos federais com campi na região, de profissionais  da própria Ceplac e de teses defendidas por estudantes de pós-graduações das instituições de ensino superior presentes no sul da Bahia.

CELULAR NA SALA DE AULA?

Tempo de leitura: 2 minutos

Felipe de PaulaFelipe de Paula | felipedepaula81@gmail.com

“Mais importante do que aquilo que você sabe é aquilo que você é capaz de fazer com o que você sabe. Uma escola livresca, de ensino uniformizador, não tem mais a capacidade de oferecer atrativos para as novas gerações”.

O mundo contemporâneo oferece uma multiplicidade de alternativas tecnológicas. Vivemos na sociedade da informação. Podemos buscar qualquer informação que desejemos, basta que nos apropriemos dos mecanismos e técnicas adequadas. Na educação formal não é diferente. Trabalhamos na lógica do conhecimento compartilhado, da produção coletiva, do exercício da criação, na lógica das redes. O aluno de hoje não precisa – e não deve – aceitar passivamente o que lhe é oferecido em sala de aula. Ele busca outras fontes, ele se capacita além da sala de aula.
Recentemente, em salas de aula de uma universidade federal, encontrei cartazes colados nos quadros com as seguintes palavras: PARA UM MELHOR APROVEITAMENTO DA AULA, POR FAVOR, MANTENHA O CELULAR DESLIGADO. TODOS/AS AGRADECEM!
Aquilo me incomodou. A atitude institucional vai contra o que se espera de uma universidade adequada aos tempos hodiernos. A imagem de um docente centralizador, “dono” do conhecimento diante de mentes menos capacitadas, tem perdido poder. O estudante atual tem ao seu dispor uma série de fontes de informação. A universidade é só mais uma destas. Tentar controlar o uso de tecnologias em sala sugere que o docente é o único meio que o aluno pode encontrar para obter conhecimento naquele espaço.
A Universidade Federal do Sul da Bahia, que receberá seus primeiros alunos no segundo semestre de 2014, vem sendo planejada levando em plena consideração a presença das tecnologias em sala de aula. Desmistifica-se o professor “estrela” e se constrói um sistema de ensino e de aprendizagem coletiva, colaborativa. E, por consequência, mais eficiente diante das demandas formativas atuais.
O referencial dessa reflexão tomado pelas matrizes teóricas da UFSB está em Pierre Lévy. Para ele, nessa realidade, surgem espaços abertos e não lineares, onde cada indivíduo preenche um papel específico, único. E, segundo Lévy, torna-se urgente uma profunda reforma no sistema educacional no que diz respeito a reconhecer as experiências adquiridas por cada personagem do jogo educativo. Para ele, escolas e universidades deixam de ter exclusividade na criação e transmissão do conhecimento. A ideia agora é orientar os caminhos individuais, reconhecendo os saberes de cada pessoa, os diferentes olhares.

Leia Mais

MEC DIVULGA RESULTADO DO ENEM 2013

Tempo de leitura: < 1 minuto
Uesc oferece mais de 1,6 mil vagas de graduação pelo Sisu.

Uesc oferece mais de 1,6 mil vagas de graduação pelo Sisu.

Os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013 já podem acessar o resultado. As notas nas provas de redação, linguagens, matemática, ciências humanas e ciências da natureza podem ser consultadas no site do exame (clique aqui). Para isso, é necessário ter em mãos número do CPF e a senha de inscrição no exame (se perdeu a senha, veja como recuperá-la no site).
O desempenho no Enem é imprescindível para concorrer a vagas em instituições públicas de ensino superior no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) ou em instituições privadas, por meio do Programa Universidade para Todos (Prouni), além de financiamento estudantil (Fies) ou participação no Ciências sem Fronteiras.
O Sisu oferecerá total de 171.756, parte delas na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc). Neste ano, a novidade serão vagas ofertadas pela Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) no segundo semestre. A expectativa é de que as aulas nos campi em Itabuna, Teixeira de Freitas e Porto Seguro comecem em 9 de setembro.

UFSB E CNPC DISCUTEM CONSERVAÇÃO PRODUTIVA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Representantes da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) e da Central Nacional dos Produtores de Cacau (CNPC) se reúnem nesta segunda-feira (16) para discutir a proposta da Conservação Produtiva como alternativa de desenvolvimento regional.  O encontro, marcado para as 14 horas, na sede do Sindicato Rural de Itabuna, terá a participação de dirigentes da Ceplac, Ifba, Sindicato Rural e Prefeitura de Itabuna, entre outras instituições.

De acordo com o coordenador do CNPC, Wallace Setenta, a discussão foi sugerida pelo reitor da UFSB, Naomar Almeida, que pretende aprofundar o conhecimento da Conservação Produtiva, com a perspectiva de inseri-la como objeto de pesquisas da universidade. Pensamento semelhante tem a direção do Instituto Federal da Bahia, campus de Ilhéus, que pretende criar um curso com foco no tema.

A Conservação Produtiva é uma proposta de ação que prevê, como o nome sugere, a conservação de recursos naturais abrigados nas plantações de cacau, sob árvores nativas da mata atlântica. Ao mesmo tempo, permite o aumento da produtividade, ao estabelecer parâmetros mínimos para a incidência de luz sobre as plantas.

O modelo prevê ainda a comercialização de ativos ambientais capazes de servir como garantia em operações de crédito junto a instituições financeiras, “o que pode ser a solução para o endividamento dos produtores de cacau”, aposta Setenta.

CAMPI DA UFSB SERÃO INAUGURADOS SEXTA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Reitoria da Ufsb foi instalada em Itabuna em setembro deste ano (foto Pimenta)

Reitoria da Ufsb foi instalada em Itabuna em setembro deste ano (foto Pimenta)

Os campi da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) no extremo-sul do estado serão inaugurados na próxima sexta-feira (29). Em Teixeira de Freitas, a cerimônia de instalação do campus Paulo Freire será a partir das 10h da manhã. O centro de estudos oferecerá cursos na área de saúde, entre eles medicina, farmácia e enfermagem.

Já em Porto Seguro, às 16h, será realizada a cerimônia de instalação do campus Costa do Descobrimento, no Centro de Convenções da cidade.

O ex-reitor da Universidade Federal da Bahia e reitor pro tempore da UFSB, Naomar Almeida Filho, assim como o governador Jaques Wagner e o prefeito de Teixeira de Freitas, João Bosco Bittencourt, confirmaram presença no evento. Além das duas cidades, Itabuna terá campus da UFSB. Com informações do Correio.

A UNIVERSIDADE E A SIGLA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Subsiste a maior confusão em torno da sigla da Universidade Federal do Sul da Bahia, cuja lei de criação lhe deu no nascedouro o “apelido” de Ufesba. O reitor pro tempore, Naomar Almeida Filho, preferia Ufsba, mas ontem ele e outras autoridades chamavam a instituição de UFSB, e assim a maioria dos veículos publicou.

Deverá ser a sigla definitiva, ao que tudo indica, embora fontes oficiais, como o site do Governo Federal, ainda utilizem “Ufesba”.

Ufa!

Como já escreveu por aqui o Ousarme Citoaian, “que a sigla seja menor que a obra”.

Back To Top