skip to Main Content
24 de novembro de 2020 | 03:24 am

FAXINEIRA NASCIDA NO SUL DA BAHIA GANHA R$ 100 MIL NO “QUEM QUER SER UM MILIONÁRIO?”

Nascida em Ubatã, faxineira ganhou R$ 100 mil|| Fotos TV Globo
Tempo de leitura: 2 minutos

Nascida em Ubatã, no sul da Bahia, e órfã de mãe aos 2 anos e 11 meses de idade, a faxineira Janaí Caló, de 52 anos, participou do programa Quem Quer Ser Um Milionário?. Estudante de Ciências Sociais e bolsista na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC), em Belo Horizonte, ela faturou R$ 100 mil no quadro do Caldeirão do Huck, da  TV Globo, que foi ao ar neste sábado (21).

Janaí Caló relatou uma história de superação. Foi espancada pelo pai, um trabalhador rural alcoólatra, até fugir de casa. Ela iniciou os estudos em um colégio da rede estadual em Ubatã, mas não chegou a concluir o ensino fundamental no município do sul da Bahia, onde também trabalhou na agricultura para ajudar o pai.

O programa foi ao ar neste sábado (21).

Na luta pela sobrevivência, com 15 anos Janaí chegou a morar em um colégio interno em Pernambuco, onde ficou uma semana na clandestinidade. Como não tinha dinheiro para pagar as mensalidades,  foi levada para a casa de um professor, onde morou por um ano e meio. Lá teria sofrido abusos, mas ninguém acreditava nela.

Ficou como interna em outro colégio na Bahia, de onde saiu quando tinha 20 anos. Cursou magistério, mas nunca conseguiu lecionar. Acabou virando empregada doméstica. Ela atualmente mora em Belo Horizonte, onde faz faculdade e trabalha como faxineira.

Janaí Caló relatou que a mãe morreu de tanto apanhar do pai e sempre gostou de estudar. Daqui a poucos meses, ela concluirá o curso superior. Apesar das adversidades, conseguiu que os três filhos entrassem para universidade. Dois estão formados e a filha mais nova, de 19 anos, está cursando Geografia. Ela chegou ao programa com R$ 20 que pegou emprestado da jovem.

Ao ser questionada se realmente gostaria de parar, Janaí Caló  respondeu: “Eu cheguei com 20 reais e vou sair com 100 mil e mais 20. Eu vou arriscar? Estou muito feliz, realizada, não vou arriscar. Porque ninguém ganha R$ 100 mil em poucas horas”.

Back To Top