skip to Main Content
12 de maio de 2021 | 03:16 pm

MP COBRA DA SESAU E DA SESAB INFORMAÇÕES DA VACINAÇÃO CONTRA COVID-19 EM ILHÉUS

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) cobrou transparência na divulgação dos dados relacionados à vacinação contra o novo coronavírus em Ilhéus. O promotor público Pedro Nogueira Coelho, da 3ª Promotoria de Justiça, recomendou ao secretário de saúde, Geraldo Magela, a regularização das informações no site da Prefeitura, com ampla publicidade nas redes sociais, revela o Blog do Gusmão

A promotoria aponta informações desatualizadas no site da Prefeitura de Ilhéus, a exemplo de consulta feita na quarta (3). Os dados mais recentes divulgados pelo município eram de 25 de fevereiro.

Além da Sesau, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) também foi cobrada pela Promotoria em Ilhéus. A Sesab deverá informar o quantitativo de vacinas enviadas para o município de Ilhéus. A informação deverá ser prestada pelo Núcleo Regional Sul da Sesab (NRS Sul).

A promotoria se pronunciou após reportagem do Blog do Gusmão e editorial do PIMENTA abordando as inconsistências das informações e a resistência dos órgãos municipal e estadual em fornecer as informações relacionadas à vacinação no município sul-baiano. A promotoria deverá cruzar as informações recebidas de Sesau e Sesab.

Apesar das publicações do site coirmão e deste blog, tanto a Sesau (Ilhéus) como a Sesab (estado) mantiveram silêncio e não responderam aos questionamentos feitos, principalmente quanto à Coronavac. A postura do NRS Sul, aliás, contraria toda a política de transparência defendida pelo governo estadual e pelo secretário Fábio Vilas-Boas.

INFECTOLOGISTA EXPLICA COMO VACINA PREVINE CASOS GRAVES DA COVID-19

Romero diz que vacina leva a queda em número de casos graves e internações
Tempo de leitura: 2 minutos

Médico infectologista da rede de saúde pública municipal em Itabuna e da Santa Casa de Misericórdia, Fernando Romero  explica o motivo de algumas pessoas, mesmo depois de imunizadas, contraírem o vírus. O especialista reforça que as vacinas são eficazes e os resultados em todo o mundo estão comprovando isso.

Segundo Fernando Romero, depois de 15 a 30 dias da tomada da segunda dose – o período da chamada “janela imunológica” depende do fabricante – os imunizantes começam a proteger em sua plenitude.

Quanto mais pessoas vacinadas, explica Fernando Romero, menor será o número de doentes. Ele cita Israel como exemplo de sucesso na batalha contra a Covid-19. Conforme dados oficiais, 50% da população daquele país já recebeu ao menos uma dose da vacina, e o país passou a registrar queda significativa no número de casos da doença.

O infectologista avalia ser necessário vencer a resistência de algumas pessoas quanto aos efeitos das vacinas. “Um dos objetivos dos imunizantes é prevenir os casos mais graves. Com isso, reduzir as internações, a necessidade de oxigenioterapia, sequelas da doença e óbitos causados nos pacientes mais graves”.

COMO OCORRE A TRANSMISSÃO DO CORONAVÍRUS

Caso a pessoa vacinada seja infectada, ela transmite o vírus. Por isso que quem já recebeu as duas doses do imunizante deve continuar fazendo o uso de máscara. “E, se puder, deve manter o distanciamento social. São medidas importantes nessa guerra contra o novo coronavírus”, reforça.

O infectologista alerta que é preciso que as pessoas entendam que as vacinas autorizadas contra o novo coronavírus já estão ajudando a salvar milhares de vidas no mundo. Ele ressalta que os imunizantes têm de 50% a 95% de eficácia contra a doença, conforme ensaios clínicos realizados em diferentes países.

A vacina, ressalta, não é a única forma de evitar a disseminação do vírus, mas também medidas como o distanciamento social, uso de máscaras e higienização. “São medidas que devemos manter, talvez, por alguns anos. As pessoas devem contribuir mais nesse processo de enfrentamento da pandemia do novo coronavírus”, observa o especialista.

Nesta segunda onda de pandemia do novo coronavírus, observa o médico, aumentou muito a quantidade de pessoas infectadas e há maior número de jovens com o agravamento no quadro de saúde. Outro detalhe é que as pessoas estão ficando mais tempo internadas, segundo o médico. Por isso, torna-se urgente acelerar a vacinação de todo a população contra o coronavírus.

NÚCLEO REGIONAL DE SAÚDE RECEBE MAIS 20 MIL DOSES DA CORONAVAC

Parte da nova remessa da vacina já foi enviada para municípios
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Núcleo Regional Sul (NRS) da Secretaria de Saúde da Bahia recebeu, na manhã desta quarta-feira (3), novas doses da Coronavac para dar seguimento à imunização da população contra a Covid-19. Foram 10.400 vacinas para primeira dose em mais um grupo de trabalhadores de saúde e mais 24% da população de idosos de 80 a 86 anos. A região de Jequié recebeu 3.700 doses, a de Itabuna 3.500, de Ilhéus 1.800 e Gandu 1.400 doses.

Também foram enviadas 10.200 vacinas para segunda dose em trabalhadores de saúde e idosos com idade entre 87 a 89 anos, sendo que a região de Jequié recebeu 3.400 doses, a de Itabuna 3.650, de Ilhéus 1.750 e Gandu 1.400.

A coordenadora do núcleo, Domilene Borges, destaca que só receberão mais imunizantes para a primeira vacinação os municípios que já aplicaram, pelo menos, 75% das doses recebidas. “Não podemos permitir, num momento delicado como esse, que municípios tenham vacina em estoque”, explica.

Domilene enfatiza que, apesar da vacinação, nesse momento ela só atinge parte dos profissionais de saúde e grupos de idosos. Por isso, é fundamental que as pessoas mantenham o distanciamento social, usem máscara e higienizem as mãos sempre que possível. “Estamos com leitos clínicos e de UTI no limite de ocupação na rede hospitalar de Itabuna e Ilhéus, num momento crítico, que a conscientização sobre a prevenção é necessária para evitar um colapso. O momento é de preservar a vida”, apela a coordenadora.

SESAB E A FALTA DE TRANSPARÊNCIA 

O Núcleo Regional Sul da Sesab, porém optou por uma forma não transparente de divulgar o quantitativo de dosagem aos municípios. Agora, não informa quanto cada município recebeu, mas apenas a região. E, como denunciado abaixo, isso começou por Ilhéus. A falta de transparência dificulta o acompanhamento da aplicação das doses por município.

BAHIA RECEBE NOVA REMESSA COM 165,6 MIL DOSES DA VACINA CORONAVAC

Doses da Coronavac são enviadas para os núcleos regionais da Sesab
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Bahia recebeu, na madrugada de hoje (3), mais 165.600 doses da vacina Coronavac, produzida pelo Instituto Butantan, e agora tem estoque suficiente para imunizar 555.600 baianos. Isso, porque já recebeu 1.111.200 doses dos imunizantes Coronavac e AstraZeneca. Ambos exigem aplicação de duas doses por pessoa para garantir a eficácia contra o novo coronavírus.

O Grupamento Aéreo da Policia Militar, após a organização das doses feita pela equipe da coordenação de imunização do estado, já começou a fazer a distribuição das vacinas para as centrais regionais no interior da Bahia, de onde serão encaminhadas para os municípios. A nova remessa dará possibilidade de continuidade à primeira fase do plano de vacinação, que inclui idosos e trabalhadores de saúde.

Com 470.783 vacinados contra o coronavírus (Covid-19), dos quais 124.470 receberam também a segunda dose, até as 15 horas desta terça, a Bahia é um dos estados do País com o maior número de imunizados, mas baixo percentual da população em geral já vacinada.

Segundo a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), a Pasta faz contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/. O painel, no entanto está desatualizado.

ILHÉUS AMPLIA VACINAÇÃO DE IDOSOS CONTRA A COVID-19

Tempo de leitura: < 1 minuto

Após receber mais vacinas contra a Covid-19, a Secretaria de Saúde (Sesau) de Ilhéus iniciou hoje (1º) a vacinação de pessoas com 80 anos ou mais que ainda não tinham recebido a primeira dose do imunizante.

A imunização é realizada na Escola Municipal Heitor Dias, que fica na Avenida Canavieiras, ao lado do Instituto Municipal de Ensino Eusínio Lavigne (IME), no bairro Cidade Nova. O atendimento seguirá até amanhã (2), das 8 às 16 horas.

Conforme a Sesau, para receber a vacina, o idoso precisa estar com máscara e apresentar os cartões do SUS e de vacinação, CPF e comprovante de residência.

A Sesau enfatiza que a vacinação é limitada ao número de doses recebidas até o momento pelo município. Após o uso de todas, a imunização será interrompida até que Ilhéus receba mais lotes da vacina.

ITABUNA RECEBE MAIS DOSES DA CORONAVAC E DIVULGA NOVO CALENDÁRIO DE VACINAÇÃO

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Prefeitura de Itabuna, por meio da Rede de Frio da Secretaria Municipal de Saúde, estabeleceu novo calendário de imunização para aplicar mais 2.280 doses da vacina Coronavac, que chegarão ao município nesta sexta-feira (26).

De acordo com a coordenadora de Imunização do Município, Camila Brito, 1.300 imunizantes serão destinados a pessoas com idade acima de 80 anos e menos de 84 anos de idade. Já as 980 doses da Coronavac restantes serão usadas na aplicação da 2ª etapa da vacinação de idosos acima de 90 anos. “Vamos fazer um drive-trhu para essas faixas etárias”, informou.

O primeiro drive-trhu vai acontecer na segunda-feira (1º) para as pessoas entre 80 e 84 anos. A vacinação será realizada no pátio do Centro de Saúde José Maria de Magalhães Neto (antigo Sesp), na Avenida Inácio Tosta Filho (ponto fixo); na Praça Rotary, no Góes Calmon; USF Élson Duarte, no bairro Urbis IV (ponto fixo); e na Praça Antoninho Queiroz, no Bairro de Fátima.

Já a aplicação da 2ª dose em idosos com mais de 90 anos será realizada na quinta-feira (4), nos mesmos locais. “Em todos os casos, é necessário levar documento de identidade, Cartão SUS, comprovante de residência e CPF”, alerta Camila Brito.

Mesmo com a aplicação das vacinas, a secretária municipal de Saúde, Lívia Mendes Aguiar, reforça que as pessoas devem ficar atentas às recomendações das autoridades sanitárias. Devem evitar aglomerações, manter o distanciamento social, uso de máscara, higienização das mãos com água e sabão e álcool em gel.

EM 24 HORAS, ILHÉUS REGISTRA 2 MORTES E 95 CASOS NOVOS DE COVID-19

Hospital Costa do Cacau estava com 100% dos leitos de UTI Covid-19 com pacientes
Tempo de leitura: < 1 minuto

O número de vítimas da Covid-19 em Ilhéus subiu de 309 para 311 nas últimas 24 horas. No mesmo intervalo, o município registrou 95 casos novos da doença. São 12.337 no total.

Os hospitais localizados na cidade têm 70 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) mantidos pelo SUS para tratamento da Covid-19; 53 deles estavam ocupados na noite de ontem (23), data do último boletim epidemiológico da Prefeitura de Ilhéus.

VACINAÇÃO

A Secretaria Municipal de Saúde prorrogou a aplicação da segunda dose da vacina contra a Covid-19 nos idosos acima de 80 anos. A pessoas dessa faixa etária que receberam a primeira vacina devem ir ao CMAE para receber a dose de reforço da imunização. O atendimento começou na manhã desta quarta-feira (24) e vai ser retomado nas manhãs desta quinta (25) e de sexta (26), entre 8h e 12h.

APÓS LIBERAÇÃO DO STF, RUI COSTA DIZ QUE VAI COMPRAR VACINAS CONTRA COVID-19

Tempo de leitura: < 1 minuto

O governador da Bahia, Rui Costa, informou, na noite desta terça-feira (23), que já está em contato com laboratórios fabricantes dos imunizantes para vacinar a população baiana. O anúncio foi feito minutos depois da maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) aprovar a compra e aplicação de vacinas contra o coronavírus por estados, distrito federal e municípios.

O governador adiantou que já tem reunião marcada com representantes da Pfizer e está tentando se reunir com os responsáveis pela vacina russa Sputinik V. Rui também disse que já mantém contato com outros governadores para discutir a possibilidade de uma compra conjunta. A aquisição também pode ser feita pelo Consórcio Nordeste.

De acordo com a decisão do STF, os governadores e prefeitos estão liberados para comprar vacinas certificadas por órgãos internacionais, independentemente da aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A aquisição pode ser feita se o Ministério da Saúde não conseguir cumprir o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, tornado público recentemente pela União.

COVID-19: ITACARÉ CONCLUI VACINAÇÃO DE IDOSOS EM ABRIGO E DE PROFISSIONAIS DE SAÚDE

Itacaré conclui vacinação de idosos asilados
Tempo de leitura: 2 minutos

A primeira etapa do esquema vacinal contra o Covid-19 já foi concluída em Itacaré com a aplicação da segunda dose para os profissionais da área de saúde da linha de frente de combate ao coronavírus e também os idosos assistidos pelo Abrigo São Pedro. A Prefeitura de Itacaré, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, está imunizando os idosos acima de 87 anos. A orientação é que esses idosos que ainda não se vacinaram – ou os responsáveis, façam o cadastro nas unidades de saúde para o agendamento.

Os profissionais de saúde que trabalham em clínicas e consultórios particulares, a exemplo dos dentistas, fisioterapeutas e demais trabalhadores dessas áreas, devem procurar a Secretaria de Saúde para realizar cadastro levando a carteira do conselho, documentação do estabelecimento que trabalha como CNPJ ou CNES, cartão SUS e comprovante de residência. A vacinação desses profissionais também será agendada conforme disponibilidade das vacinas. Em Itacaré já foram vacinados os profissionais de saúde que trabalham nos hospitais, postos de saúde, laboratórios e algumas clínicas particulares.

A Secretaria Municipal de Saúde de Itacaré está aguardando a liberação de novos lotes da vacina e informa que a vacinação para os idosos acima de 80 anos, da sede e da zona rural, será por cadastro no posto de saúde. Os idosos nascidos abaixo de 1940, ou os responsáveis, devem informar ao agente comunitário da área ou ir na unidade mais próxima. Pode ainda solicitar que um familiar compareça levando o cartão SUS, CPF e comprovante de endereço a fim de realizar um cadastro. A vacinação ocorrerá em domicílio, por roteiro, de acordo com a área de abrangência do PSF e disponibilidade de doses.

A Prefeitura de Itacaré esclarece que a vacinação está sendo organizada seguindo a essas etapas, pois a quantidade de vacina recebida tem sido insuficiente para atender toda a demanda em uma única vez, evitando também a aglomeração nas unidades de saúde. Os idosos que residem na zona rural também precisam se cadastrar, pois a liberação das doses para vacinação depende da quantidade de idosos cadastrados em cada área. A Secretaria de Saúde alerta que a vacinação desse público é muito importante para a prevenção de casos graves e internações.

BAHIA VAI PROPOR VACINA CONTRA A COVID-19 PARA PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO

Vacina para os profissionais da educação
Tempo de leitura: < 1 minuto

O governador Rui Costa afirmou há pouco, durante a transmissão do “#Papo Correria”, que vai propor ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que todos os profissionais da educação (os que estão na ativa), com idade acima de 50 anos, entrem na lista de prioridade para vacinação contra o novo coronavírus. A reunião dos governadores com o ministro será na tarde desta quarta-feira (17).

Ao responder uma pergunta de uma participante do programa nas redes sociais, Rui afirmou que não está preocupado somente com os professores, mas também com profissionais como merendeiras e vigilantes. “Pelo menos na rede estadual, não temos tantos professores com mais de 50 anos, mas temos muitos profissionais de apoio. São pessoas que também correm risco de contaminação e, às vezes, no grupo de risco”.

O governador disse que a retomada das aulas depende muito da curva descendente do número de casos ativos, ocupação de leitos e óbitos. Ele afirmou ainda que espera que isso ocorra o mais rápido possível e explicou que não adotou a modalidade de aulas virtuais porque iria beneficiar poucos alunos.

Rui Costa relatou que deixou de fora as regiões oeste, de Jacobina e Irecê porque hoje elas estão com a taxa de ocupação de leitos baixa. Acrescentou ainda que, se a curva de contaminação de novo coronavírus, na maioria das regiões, continuar nesse ritmo, em três semanas haverá um colapso na rede de saúde da Bahia.

MP-BA ACUSA SECRETÁRIO DE SAÚDE DE FURAR FILA DA VACINA CONTRA COVID-19

Márcio Fagundes afirma que nota técnica do Governo do Estado autorizou vacinação de secretários de saúde
Tempo de leitura: < 1 minuto

O Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) moveu ação civil pública, na última quinta-feira (11), contra o secretário de Saúde de Igaporã, Márcio Fagundes Fernandes, acusado de improbidade administrativa por furar a fila da vacina de prevenção à Covid-19.

O gestor admite que foi imunizado, mas afirma que havia autorização expressa do Governo do Estado para que os secretários municipais fossem vacinados.

“Existe uma nota técnica, uma nota informativa na verdade, do governo do estado, datada de 3 de fevereiro de 2021, onde essa nota deixa bem claro que secretário de saúde pode tomar vacina”, disse Márcio, em entrevista à Rede Bahia.

O promotor de Justiça responsável pelo processo, Jailson Trindade Neves, afirma que o secretário do município do sudoeste baiano não faz parte dos grupos prioritários para vacinação.

Com informações do G1.

INSTITUTO RUI BARBOSA DEFENDE VACINAÇÃO PRIORITÁRIA DE PROFESSORES

Comitê do instituto divulgou nota técnica defendendo prioridade de professores na fila da vacina
Tempo de leitura: < 1 minuto

Na última quarta-feira (10), o Comitê Técnico da Educação do Instituto Rui Barbosa (CTE-IRB) publicou nota defendendo a inclusão dos professores na lista das categorias profissionais priorizadas para vacinação contra a Covid-19, depois dos trabalhadores envolvidos diretamente no combate à pandemia.

De acordo com o comitê, ao priorizar a vacinação desses profissionais, as autoridades contribuem no esforço para reduzir as desigualdades sociais, que cresceram por causa do fechamento das escolas. A retomada das atividades escolares, para o comitê, reduz o fosso entre os estudantes mais ricos e os mais pobres, que não dispõem das ferramentas tecnológicas mais modernas utilizadas no ensino remoto.

Ainda segundo o comitê, a suspensão das aulas presenciais durante o período de pandemia tornou ainda mais crítico o quadro de evasão e abandono escolar no país e potencializou a perda de vínculo entre escola, professores e estudantes.

Acesse a nota técnica.

PACIENTES RENAIS DE ILHÉUS QUEREM PRIORIDADE PARA VACINAÇÃO CONTRA COVID-19

Grupo iniciou mobilização em Ilhéus para receber vacina || Foto ilustrativa
Tempo de leitura: < 1 minuto

Os pacientes do Centro de Assistência Renal (CAR), localizado em Ilhéus, querem entrar na lista dos grupos prioritários para vacinação contra a Covid-19.

O ex-vice-prefeito José Henrique Abobreira, paciente renal crônico, explicou ao PIMENTA que o grupo do qual ele faz parte tem fragilidades imunológicas devido às sessões de hemodiálise e acumulam comorbidades, a exemplo de diabetes, hipertensão e cardiopatias. Essas pré-condições os tornam mais suscetíveis a evoluir para quadros de saúde gravíssimos em caso de infecção pelo novo coronavírus.

Nesta sexta-feira (12), às 6 horas da manhã, os pacientes renais vão se reunir na clínica com os vereadores Cláudio Magalhães Tupinambá (PCdoB) e Enilda Mendonça (PT). O grupo conta com o apoio dos parlamentares para abrir um canal de diálogo com as secretarias municipal e estadual de Saúde. Também avaliam a possibilidade de levar a demanda à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e ao Ministério da Saúde.

José Henrique Abobreira enfatiza que a pauta do Movimento dos Renais Crônicos de Ilhéus é mais ampla, abrangendo também a defesa do Sistema Único de Saúde (SUS), a reivindicação da volta do auxílio emergencial e a pressão para que o Brasil inicie a vacinação contra a Covid-19 em larga escala.

BAHIA VAI INICIAR APLICAÇÃO DA 2ª DOSE DA CORONAVAC NA SEGUNDA-FEIRA

Município ficou um dia fora da lista de habilitados para receber mais vacinas por causa de nova meta do estado
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) informou hoje (10) que vai iniciar na próxima segunda-feira (15) a aplicação da segunda dose da Coronavac, vacina contra a Covid-19. As vacinas já estão na Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos, em Simões Filho, e também nos Núcleos Regionais de Saúde, de onde serão distribuídos para os municípios a partir desta sexta-feira (12).

A distribuição da segunda dose começará pelos profissionais da saúde da linha de frente contra o novo coronavírus, idosos acima de 60 anos que vivem em instituições de longa permanência e indígenas aldeados, grupos imunizados na primeira etapa da vacinação. De acordo com a coordenadora de imunização do Estado, Vânia Rebouças, no momento da aplicação da primeira dose, já foi feito o agendamento para a segunda.

A coordenadora recomenda que as pessoas busquem os mesmos locais onde tomaram a primeira dose. Vânia também lembra que devem ser levadas a carteira de vacinação com o registro da primeira dose e um documento de identificação oficial. “É importante que seja levada a carteira de vacinação, pois é onde está assinalado qual o laboratório fabricante da vacina”, explica.

O secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, avalia como positiva a vacinação no estado. “As dificuldades que tivemos no começo já foram superadas. Estamos tendo a colaboração de todos os prefeitos”, afirma. Ele ainda destaca que a Bahia está fazendo um esforço para vacinar mais pessoas, mas que infelizmente tem a limitação do quantitativo de vacinas. “Optamos por iniciar pelos idosos com mais idade e de forma gradual aumentar o público”, pontua.

Iniciada em 19 de janeiro, a vacinação na Bahia alcançou mais de 344 mil pessoas até o momento.

ITABUNA CADASTRA IDOSOS COM DIFICULDADE MOTORA PARA VACINAÇÃO

Até o momento, estado recebeu 945.600 doses do imunizante
Tempo de leitura: < 1 minuto

Em Itabuna, parentes ou cuidadores de idosos com dificuldade de locomoção já podem cadastrá-los para vacinação contra a Covid-19 no posto de saúde mais próximo. A medida é necessária para que tomem a vacina contra o novo coronavírus em casa tão logo novas doses sejam disponibilizadas pela Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab).

Segundo a coordenadora da Rede de Frio da Secretaria de Saúde de Itabuna, Camila Brito, no ato de cadastramento, é necessário apresentar carteira de identidade (RG), Cartão SUS, CPF e comprovante de residência. Pode ser efetuado cadastro de quaisquer idosos acamados ou com dificuldade de locomoção.

A Secretaria Municipal de Saúde também adverte que calendários falsos de vacinação (fake news) estão sendo divulgados nas redes sociais. Além de prejudicar a programação oficial de vacina, o repasse cria falsa expectativa nas pessoas. A recomendação da prefeitura é para que os munícipes aguardem a divulgação do procedimento nos canais oficiais do município.

Back To Top