skip to Main Content
24 de fevereiro de 2021 | 02:39 pm

PESQUISA DO SEBRAE REVELA EXPECTATIVA DOS EMPRESÁRIOS DO VAREJO BAIANO PARA 2021

Foto Darío G. Neto/Sebrae Bahia
Tempo de leitura: 2 minutos

Para entender as expectativas dos empresários do varejo para 2021, o Sebrae Bahia realizou uma pesquisa que mostrou a avaliação dos empreendedores em relação aos temas de finanças, vendas, meios de atuação e outros assuntos.

De acordo com o levantamento, 32% dos entrevistados afirmaram que o volume de vendas está ruim, mas em recuperação, enquanto 25% disseram que o movimento está bom, mas reconhecem que era melhor antes da pandemia. Outros 23% responderam que as vendas estão satisfatórias e 13% assumiram que as vendas seguem péssimas. Apenas 7% dos empresários entrevistados expressaram satisfação total com o volume de vendas.

Em relação à administração financeira, 84% disseram que realizam o controle internamente e 9% terceirizam o serviço. Outros 7% fazem internamente, com um funcionário dedicado às finanças. O levantamento mostrou ainda que 77% afirmaram que precisam melhorar a administração financeira do negócio.

Quanto ao modelo de comercialização, a maioria (52%) afirmou que realiza de forma híbrida (presencial e online), utilizando as redes sociais como Instagram, WhatsApp e Facebook, site ou loja virtual e marketplaces. Outros 40% disseram que atendem as clientes de forma presencial e apenas 8% comercializam seus produtos exclusivamente online.

Quando perguntados quais as redes sociais que utilizam com mais frequência, a maioria (82%) utiliza o WhatsApp e Instagram, seguido de Facebook (47%), Youtube e Messenger (ambos com 7%), Telegram (5%), Tiktok (2%) e Twitter (1%).

A PESQUISA

A pesquisa entrevistou 425 empresários baianos e foi realizada nos meses de novembro e dezembro de 2020, por meio de questionário online. O intervalo de confiança é de 95%.

Dentre os empresários entrevistados, 66% dos empreendedores do varejo são do sexo feminino, com idade média de 40 anos.

Em relação ao enquadramento, 58% dos empreendimentos são Microempreendedor Individual (MEI), 36% deles atuado no segmento de vestuário e acessórios e 19% em alimentação.

Cerca de 48% dos empreendimentos estão até com 2 anos de comércio aberto e ativo e 43% atuam na rua e 31% em centro comercial. Mais de 70% não possuem nenhum registro oficial em instituições e 96% possuem de 0 a 10 funcionários.

O levantamento foi realizado pela Unidade de Gestão Estratégica (UGE) do Sebrae Bahia, demandado pela Unidade de Atendimento Coletivo (UAC) e Coordenação de Comércio e Serviços da entidade.

RENOVA VAREJO

Com a mudança de comportamento do consumidor, que está cada vez mais digitalizado, bem como o avanço das compras online e marketplaces, as empresas varejistas precisam se adaptar para enfrentar um mercado ainda mais exigente. E, para apoiar os empreendedores do varejo baiano nesse momento que requer uma verdadeira transformação, o Sebrae lança o Movimento Renova Varejo, que pretende transformar o varejo baiano, elevando a maturidade digital dos empresários e preparando suas empresas para as demandas atuais.

Durante seis meses, os empresários que aderirem ao Movimento terão 38 horas de consultoria individual com especialista em marketing e vendas, e 12 horas de ações coletivas para capacitação sobre assuntos estratégicos da gestão, incluindo curso de 6 horas com o Alfredo Soares, autor dos livros Bora Vender e Bora Varejo.

O movimento é voltado especialmente para empresários de micro e pequenas empresas de vestuário, calçados, tecidos, cama, mesa e banho, minimercados, comércio de alimentos e bebidas, itens para casa, material de construção, equipamentos e suprimentos de informática.

VENDAS DO VAREJO BAIANO CRESCEM 7,1% EM SETEMBRO

Tempo de leitura: 2 minutos

Venda de material de construção teve aumento superior a 30%

As vendas no comércio varejista baiano cresceram 7,1% em setembro de 2020, na comparação com igual mês do ano anterior. Na análise sazonal, o comércio varejista na Bahia registrou taxa positiva de 0,8% frente a agosto. Devido à influencia da pandemia do Coronavírus, no acumulado do ano a taxa foi negativa em 6,2%.

Os dados, divulgados nesta quarta-feira (11), foram apurados pela Pesquisa Mensal de Comércio (PMC) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) – realizada em âmbito nacional – e analisados pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), autarquia vinculada à Secretaria do Planejamento.

“Este resultado evidencia que o setor vem se recuperando, apresentando taxa positiva pelo segundo mês consecutivo na comparação anual, sendo a maior desde dezembro de 2019, e quinto na análise sazonal”, disse o secretário estadual de Planejamento, Walter Pinheiro, que ainda apontou a geração de 16.923 postos de trabalho com carteira assinada em setembro, o melhor resultado do ano e o maior saldo em setembro da última década na Bahia.

Por atividade, em setembro de 2020, os dados do comércio varejista do estado baiano, quando comparados aos de setembro de 2019, revelam que quatro dos oito segmentos que compõem o indicador do volume de vendas registraram comportamento positivo: Móveis e eletrodomésticos (51,3%), Outros artigos de uso pessoal e doméstico (17,9%), Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (8,1%) e Combustíveis e lubrificantes (5,7%).

MATERIAL DE CONSTRUÇÃO

O comércio varejista ampliado, que inclui o varejo e mais as atividades de Veículos, motos, partes e peças e de Material de construção apresentou crescimento de 3,9% nas vendas, em relação à igual mês do ano anterior. No acumulado dos últimos 12 meses, a variação foi negativa em 5,9%.

Em relação a Material de construção, as vendas no mês de setembro foram positivas em 30,2%, na comparação com o mesmo mês de 2019. Já o segmento Veículos, motos, partes e peças registrou queda de 13,9% nas vendas em setembro de 2020, em relação à igual mês do ano anterior.

ROGÉRIO SALUME, DA WINE, FALA SOBRE E-COMMERCE PARA EMPRESÁRIOS DE ITABUNA

Salume, da Wine, fará palestra online na próxima terça (28)
Tempo de leitura: < 1 minuto

Dos principais nomes do e-commerce brasileiro, Rogério Salume, da Wine, será o palestrante do I SOS Empresarial – E-commerce na contramão da crise, organizado pela Associação Comercial e Empresarial de Itabuna (ACI). A palestra online será na próxima terça (28), às 19h. Salume, que é itabunense e um dos fundadores da Wine, trará informações do varejo online e apresentará estratégias para que empreendedores driblem a crise e vendam mais.

A ação é do Programa de Qualificação Social, Núcleo de Jovens Empreendedores da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna e do Movimento Empresarial Sul da Bahia em Ação. A palestra online será transmitida, via Zoom, com o investimento no valor de R$ 20,00.

A taxa será revertida em mantimentos e distribuída para as pessoas pobres. Para participar é necessário apenas fazer o cadastro pelo link: https://www.sympla.com.br/sos-empresarial__838966, baixar o aplicativo ZOOM, e no dia e horário do evento realizar o acesso ao site do Sympla, na aba “Meus Ingressos”.

ALSHOP DEFENDE USO DO FAT PARA MANUTENÇÃO DOS EMPREGOS NO VAREJO

Associação de Lojistas de Shoppings defende uso do FAT para manter empregos
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop) defende a liberação de parte dos recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) para a manutenção de empregos no varejo. Shoppings por todo o país estão fechados como medida preventiva contra o avanço do novo coronavírus (Covid-19). A sugestão foi apresentada pela Associação à Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, vinculada ao Ministério da Economia.

– Com a consequência da limitação do fluxo de pessoas nos centros de compras que hoje só atendem serviços essenciais podemos ter agravamento no desemprego mas antes de falar em números sem base, propomos uma medida concreta para manter os empregos enquanto as lojas ficam sem faturamento – disse Nabil Sahyoun, presidente da entidade.

O pedido feito à Secretaria visa manter os empregos de colaboradores vinculados às lojas que já não podem abrir desde o último final de semana. “Neste momento nossa preocupação é com os empregos do nosso setor que é o maior empregador e motor da economia no país que é o comércio e os serviços”, ponderou Sahyoun.

Em São Paulo, a Alshop já havia obtido, junto ao governo paulista, uma linha de financiamento para os varejistas com taxas de 0,35% ao mês por meio do programa Desenvolve SP do governo do Estado. A Alshop representa cerca de 40 mil associados do setor de varejo e tem obtido medidas para reduzir os impactos da crise econômica que será consequente a crise sanitária do Covid-19.

MAKRO FECHA LOJA DA RODOVIA ILHÉUS-ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Makro encerra as atividades em Ilhéus e pega funcionários de surpresa

Os funcionários do Makro da Rodovia Ilhéus-Itabuna, em Ilhéus, foram pegos de surpresa, nesta manhã de quarta-feira (15), ao chegar para trabalhar. Logo no portão da loja, um aviso de que a empresa havia encerrado as atividades na loja sul-baiana.

O Makro inaugurou a loja ilheense em 2010, com cerca de 150 funcionários. A empresa informou aos funcionários que haveria, para quem desejar, a opção de transferência para lojas em Minas Gerais.

No mercado, a informação é de que a estrutura na Rodovia Ilhéus-Itabuna pode ser adquirida por um grupo mineiro que já trabalha no sistema atacarejo, o Mineirão Atacarejo, que já atua no extremo-sul do Estado. Desde o ano passado, o Makro está no alvo do Carrefour, dono do Atacadão, para compra em negócio estimado em R$ 5 bilhões.

OUTRO LADO

O PIMENTA entrou em contato com a assessoria de comunicação da Rede Makro. A empresa ainda deverá se posicionar publicamente quanto ao encerramento das atividades no sul da Bahia.

http://157.230.186.12/2020/01/15/makro-diz-que-venda-de-loja-e-para-garantir-eficiencia-operacional-da-companhia/

COMÉRCIO: SEBRAE DÁ DICAS PARA AUMENTAR AS VENDAS DO DIA DOS PAIS

Tempo de leitura: 2 minutos

Dia dos Pais está entre as principais datas do comércio no Brasil

O Dias dos Pais, comemorado no dia 11 de agosto deste ano, é uma das cinco principais datas para o varejo no país. Preparar-se para aproveitar essa oportunidade é praticamente uma obrigação para qualquer empresário, destaca o canal do Sebrae.

As datas comemorativas funcionam como um incentivo principalmente para o setor do comércio. É importante estar atento a todos os detalhes, desde a promoção de ofertas até a qualidade do atendimento. Além de impulsionar as vendas do período, um planejamento bem executado contribui para a fidelização de clientes que podem voltar a procurar o negócio em outras ocasiões.

Definir uma estratégia voltada para a data, produzir pacotes e kits promocionais, mexer na vitrine para torná-la mais atraente aos olhares dos consumidores e criar uma identidade visual são algumas iniciativas que podem esquentar as vendas e dar uma maior visibilidade ao empreendimento. As redes sociais também são uma alternativa importante para esse período.

O Sebrae separou cinco dicas para que os empreendedores possam se organizar para a data, confira no leia mais, a seguir.

Leia Mais

SHOPPING JEQUITIBÁ, 19 ANOS: O SONHO QUE HELENILSON CHAVES TRANSFORMOU EM REALIDADE

Tempo de leitura: 2 minutos

Manoel Chaves Neto

 

É com orgulho e responsabilidade que trabalhamos unidos arduamente com todo nosso TIME, dia a dia, tijolo a tijolo, para consolidar o sonho que nosso pai, Helenilson Chaves implantou, transformou em realidade, demonstrando de forma inequívoca a capacidade empreendedora da nossa gente grapiúna e a certeza de que, é no trabalho presente, que celebramos a fé no futuro.

 

Inaugurado no ano 2000, graças ao pioneirismo e espírito empreendedor do empresário Helenilson Chaves, o Shopping Jequitibá é, hoje, o maior centro comercial do Sul da Bahia, num raio de 250 quilômetros. Em meio a uma das maiores crises já enfrentadas pela região, Helenilson teve a percepção de que era preciso quebrar paradigmas, romper a dependência de um único produto, o cacau, e modelar Itabuna como polo regional não apenas comercial e industrial, mas também prestador de serviços e de lazer/empreendimento, o que se revelou um acerto.

Hoje o Shopping Jequitibá, com seus 24.675 m2 de ABL, além do varejo, contempla no seu mix vários serviços que atraem mensalmente milhares de pessoas, movimentam a economia e geram empregos.

Ao completar 19 anos, o Jequitibá está a todo vapor, com as obras da segunda ampliação com mais 4.320 m2 de novas ABL, que incluem mais áreas de varejo, lazer e serviços, como a rede de papelaria e material de escritório Kalunga, a Smart Fit academias inteligentes, a Med Plaza, um centro médico integrado com todas as especialidades; os cinemas Cinemark, maior exibidor de filmes do país; Casas Bahia, principal empresa de varejo do Brasil; e o restaurante Burger King.

Helenilson idealizou e inaugurou o Jequitibá

Além disso, temos um compromisso permanente com a capacitação e valorização de nosso TIME e parceiros, num processo que busca oferecer um atendimento de qualidade, produtos variados e de excelência, que contemplam as demandas regionais e faça do Jequitibá um shopping Regional Dominante no Sul da Bahia.

É com orgulho e responsabilidade que trabalhamos unidos arduamente com todo nosso TIME, dia a dia, tijolo a tijolo, para consolidar o sonho que nosso pai, Helenilson Chaves, implantou, transformou em realidade, demonstrando de forma inequívoca a capacidade empreendedora da nossa gente grapiúna e a certeza de que, é no trabalho presente, que celebramos a fé no futuro.

Mais que um empreendimento, o Shopping Jequitibá é um símbolo e um patrimônio da nossa região, capaz de ser resiliente e superar desafios e obstáculos.

Manoel Chaves Neto é diretor do Shopping Jequitibá.

WORKSHOP ABORDA INOVAÇÕES NO SEGMENTO DE MATERIAL DE CONSTRUÇÃO EM ITABUNA

Tempo de leitura: 2 minutos

José Carlos Araújo, da Anamaco, é conferencista em workshop no sul da Bahia

O Sebrae em Itabuna está com inscrições abertas para o Workshop de Inovação destinado aos empresários do segmento de varejo de materiais para construção. O evento gratuito será no dia 7 de junho, a partir das 18h30min, no auditório do Hotel Tarik Fontes, na Avenida Aziz Maron (Beira-Rio).
A atividade é uma ação do Sebrae Conecta e integra uma série de eventos que serão realizados em junho com o objetivo de oferecer soluções direcionadas a segmentos específicos dos setores da Indústria, do Comércio e de Serviços.
As inscrições já podem ser feitas na Loja Virtual do Sebrae ou na agência de atendimento do Sebrae em Itabuna, na Rua Paulino Vieira, 175, Edifício Lizete Mendonça, Centro.
Na programação destinada ao segmento de materiais para construção, o diretor da Escola de Varejo Anamaco (EVA), José Carlos Araújo, vai apresentar uma palestra falar sobre design e layout de loja para torna-la mais atrativa.
PROGRAMAÇÃO
De acordo com a técnica do Sebrae em Itabuna, Karla Peixoto, os eventos partem de um conjunto de ações realizadas pela instituição durante o ano, com a finalidade de “orientar os empresários sobre as ferramentas de inovação e criatividade, visando potencializar os resultados dos empreendimentos”.
Os próximos Workshops serão no dia 11, às 14h30min, voltado ao segmento de Alimentação Fora do Lar;  no dia 19, a partir das 18h30min, destinado aos profissionais dos segmentos de Moda e Cosméticos e Beleza;  e no dia 28, a partir das 18h30min, para o setor de Varejo de Alimentos. Mais informações pelos telefones 73 3613-9734 / 73 99974-2262.

JEQUITIBÁ PARTICIPA DO MAIOR EVENTO DE VAREJO DA AMÉRICA LATINA

Tempo de leitura: 2 minutos
Chaves Neto, Jorge Lizan, do ICSC, Vera Guimarães (Jequitibá) e Luiz Alberto Marinho, diretor da GS&Malls || Divulgação

Chaves Neto, Jorge Lizan, do ICSC, Vera Guimarães (Jequitibá) e Luiz Marinho, da GS&Malls

Vera e Neto, do Shopping Jequitibá.

Vera Guimarães e Neto, do Shopping Jequitibá.

Maior evento de varejo, shoppings centers, franchising e e-comerce da América Latina, o Congresso Latam Retail, em São Paulo, teve a participação de diretores do Shopping Jequitibá, de Itabuna. O evento, realizado de 29 a 31 de agosto neste ano, conta com área ampla de exposição de fornecedores, produtos e serviços.

Para o empresário Manoel Chaves Neto, diretor da Jesci, empresa que administra o Shopping Jequitibá, sua participação no Congresso ratifica e aprimora o conhecimento, dando novas perspectivas para o setor no sul da Bahia. “Podemos comprovar que estamos no caminho certo para tornar nosso Shopping Jequitibá um shopping regional, dominante no sul da Bahia”, ressalta.

Vários painéis abordam temas como ações inovadoras em shoppings da América Latina, consumidor empoderado digital, experiências, entretenimento, varejo baseado em serviços; conveniência e hospitalidade.

O evento é um grande momento para a comunidade de profissionais de shoppings centers compartilhar conhecimento, fazer network e repensar novas estratégias para o varejo no Brasil.

MISSÃO EMPRESARIAL DE ITABUNA PARTICIPA DA SUPERBAHIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Renata Smith, Sebrae

Formada por um grupo de 10 empresários, a missão técnica da Associação de Mercados e Supermercados de Bairro (Redemec), de Itabuna, já confirmou sua participação na 6ª edição da Feira e Convenção Baiana de Supermercados, Atacados, Padarias, Restaurantes e Distribuidoras (SuperBahia), que acontece de 20 a 22 de julho, na Arena da Fonte Nova, em Salvador.

A associação é atendida pelo Sebrae Ilhéus, por meio do projeto Comércio e Serviços. “O objetivo da caravana é fortalecer parcerias e realizar novos negócios com representantes das indústrias de alimentos”, explica a gestora do projeto, Karla Peixoto.

Dinamizar o setor, aproximando fornecedores e pequenos negócios, é justamente a proposta da SuperBahia, que reúne 60 expositores de marcas nacionais e estrangeiras e tem a previsão de receber 12 mil visitantes e movimentar R$ 400 milhões. O Sebrae é patrocinador do evento e oferta capacitações em palestras e clínicas tecnológicas sobre gestão e empreendedorismo.

ENCONTRO DO VAREJO

Após participar da feira, o grupo da Redemec retorna a Itabuna para realizar, junto com o Sebrae, o II Encontro Regional dos Empresários de Varejo de Alimentos, no dia 26 de agosto, no auditório do Hotel Tarik Fontes. O evento busca fortalecer o associativismo e será gratuito para empresários desse segmento.

Com foco no aprimoramento e expansão do uso da tecnologia entre seus 13 associados, a Redemec tem hoje 15 lojas, oferta 1,8 mil diferentes produtos e gera 163 empregos diretos. Com o apoio do Sebrae, empregadores e funcionários tiveram sua realidade modificada a partir da melhoria da rede física e do atendimento, treinamento profissional e diminuição das perdas.

OLHA A LUIZA AÍ

Tempo de leitura: < 1 minuto
Simplicidade de Luiza Trajano encanta o casal Fábio e Meire Mota.

Simplicidade de Luiza Trajano encanta o casal Fábio e Meire Mota.

A presidente do conselho de administração da rede varejista Magazine Luiza, a empresária Luiza Trajano, esteve em Itabuna nos preparativos de reinauguração das lojas no Estado, que ocorreu nesta semana.
Famosa por comandar uma das maiores empresas do país, Luiza encantou clientes itabunenses pela simplicidade. Fábio e Meire Mota posaram para fotos com a empresária. “Ela deu dicas sobre como aparecer mais ‘magrinhos’ na foto”, brinca Fábio.
Até soa estranho a dona de uma das dez maiores redes varejistas do país circulando entre consumidores e funcionários, mas Luiza leve a sério a expressão de que o boi engorda com o olho do dono. E, como se vê, encanta clientes.

DONA DO MAGAZINE LUIZA VIRA SUCESSO NAS REDES SOCIAIS AO REBATER MAINARD

Tempo de leitura: < 1 minuto

email luizaA empresária Luiza Trajano virou febre no Twitter – e no Facebook -, após rebater com dados a críticas do colunista Diogo Mainardi, no Manhattan Conection (Globo News). Mais que isso, prometeu enviar email ao colunista da Veja com os dados completos do varejo. E enviou nesta terça (21), o que gerou, também nas redes sociais, esse pedido ao lado.
Mainardi fala de suposta crise no varejo brasileiro e de aumento de inadimplência. Trajano disse que era o contrário (“o varejo brasileiro não está em crise”) e a inadimplência caiu ano passado. A reação de Mainardi foi um desrespeitoso “me poupe”.
Dados da Serasa comprovaram o que disse Luiza Trajano. A inadimplência recuou, o que não ocorria desde 2000. A empresária fala quantos empregos o varejo gerou no ano passado e explica porque a rede Magazine Luiza não está sendo vendida a americana Amazon.
O embate pode ser visto, na íntegra, no vídeo abaixo.

PÃO DE AÇÚCAR REACENDERÁ DISPUTA ILHÉUS VERSUS ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Assaí Atacadista

Exclusivo

Um novo atacadão reacenderá a polêmica entre os governos de Ilhéus e Itabuna quanto aos limites entre os dois municípios, embora a Assembleia Legislativa tenha definido a área territorial de cada um deles.

O Grupo Pão de Açúcar comprou uma fazenda que fica localizada bem na área limite que separa os dois municípios, no quilômetro 24 da Rodovia Ilhéus-Itabuna, após as lojas do Makro e Atacadão, sentido Itabuna. No local, o GPA vai construir uma loja do Assaí Atacadista.

Parte do terreno fica em território itabunense; a outra, em área ilheense. O PIMENTA apurou que a aquisição foi concretizada em dezembro. O Assaí possui 75 lojas em todo o país, duas delas na Bahia (Juazeiro e Feira de Santana). Os cálculos são de que a loja possa gerar em torno de R$ 3,6 milhões em arrecadação com impostos onde for instalada.

Há pouco mais de dois anos, os dois maiores municípios do sul da Bahia travaram guerra política sobre a área onde estão instaladas as lojas do Makro e Atacadão. Depois de mediação – e definição – de limites na Assembleia Legislativa, Ilhéus manteve sob seus domínios as faixas de terra dos primeiros grandes atacadões instalados às margens da rodovia. Para isso, contou com o empenho do memorialista José Nazal.

VAREJO TEM MELHOR RESULTADO DESDE JANEIRO DE 2012

Tempo de leitura: < 1 minuto

Flávia Villela | Agência Brasil

O comércio varejista cresceu 1,9% no volume de vendas em julho, o maior resultado desde janeiro de 2012 (2,8%) informou hoje (12) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O crescimento da receita nominal foi 2%, a maior variação desde junho de 2012 (2,4%).

Entre as dez atividades pesquisadas, oito apresentaram variações positivas no volume de vendas, com destaque para tecidos, vestuário e calçados (5,4%), outros artigos de uso pessoal e doméstico (3,9%), equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (3,5%), móveis e eletrodomésticos (2,6%) e hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (1,8%).  As atividades que tiveram variação negativa foram combustíveis e lubrificantes (-0,4%) e veículos e motos, partes e peças (-3,5%). Na comparação com julho de 2012, todas as atividades cresceram.

O segmento de móveis e eletrodomésticos, com aumento de 11% no volume de vendas em relação a julho do ano passado, foi responsável pela maior participação (22,4%) da taxa global do varejo no mês. Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo, com variação de 2,6% em julho sobre o mesmo mês de 2012, foram responsáveis pela segunda maior participação no resultado do varejo (21,8%).

Leia mais

SEMINÁRIO DE MARKETING DISCUTE VAREJO, CASES E OPORTUNIDADES NO SUL DA BAHIA

Tempo de leitura: 3 minutos
Fontes ressalta esforço para realizar seminário.

Fontes ressalta esforço para realizar seminário.

O consultor de marketing e planejamento estratégico Ronald Carvalho abre a série de palestras e mesas-redondas do 23º Seminário de Marketing e Propaganda do Sul da Bahia, hoje à noite, no auditório principal da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc). Ronald abordará o tema “A Era de Obama – uma previsão dos próximos 50 anos para o mundo”. O seminário é realizado pela Associação Comercial de Itabuna (Acei), em parceria com a MVU Eventos, e tem apoio do PIMENTA.
O evento, destinado a estudantes, profissionais do marketing e da propaganda e empresários, reunirá nomes como Dado Schneider, Priscila Toledo (mestre em Língua Portuguesa e Comunicação Corporativa), Lino Cardoso (diretor de marketing da Arena Fonte Nova); e o advogado Ivo de Camargo (especialista em promoções comerciais).
A edição deste ano inovará com workshop para agências de propaganda, amanhã, às 9 horas. O evento terá como palestrantes Bruno Lance, diretor de arte e head digital da Propeg, Rodrigo Soares, redator e diretor de criação da Leiaute, e Rodrigo Batinga, diretor de arte da Leiaute.
CASES DE SUCESSO
O evento também apresentará cases de sucesso no sul da Bahia. O painel, mediado pelo empresário Luís Buriti, das Lojas Buriti,  trará os cases Mutirão do Diabético, realizado anualmente em Itabuna pelo Hospital de Olhos Beira Rio, Shopping Jequitibá e Unicred, a cooperativa de médicos da Unimed em Itabuna.
Presidente da Associação Comercial de Itabuna, Eduardo Fontes diz que a entidade “fez todo o esforço para dar continuidade a um projeto tão vigoroso e importante para região”. Confira toda a programação do evento que também abordará oportunidades de negócios no sul da Bahia.

Leia Mais
Back To Top