skip to Main Content
3 de março de 2021 | 08:48 pm

ASSALTANTES SÃO PRESOS MINUTOS APÓS INVASÃO DE LOJA NO CENTRO DE ITABUNA

Polícia prendeu os bandidos no centro da cidade
Tempo de leitura: < 1 minuto

Policiais militares prenderam, por volta das 18h desta segunda-feira (22), dois homens que renderam clientes e funcionários de uma loja de móveis na Avenida do Cinquentenário, no centro de Itabuna. Armados, os bandidos invadiram o estabelecimento no final do expediente.

Câmeras de segurança mostram o momento em que os bandidos chegam ao local, acompanhados de uma menina. Os três sentam-se em um banco e esperam que uma porta seja aberta, pois o estabelecimento já estava fechado, mas alguns clientes ainda encontravam-se em seu anterior.

Os bandidos cercaram um dos funcionários que saía e o levou de volta para o interior da loja. A menina ficou vigiando o movimento, caminhando de um lado para o outro. Em seguida, em outro vídeo, um deles aparece levando os clientes para um lado da loja. Menos de um minuto depois, os três aparecem correndo pela avenida do Cinquentenário.

Os dois homens foram presos a alguns metros da loja de móveis, nas imediações da praça Camacan. Com eles, a polícia apreendeu dois revólveres. Como não há informações sobre a idade dos bandidos, o PIMENTA não divulgará os nomes da dupla nem as imagens das câmeras de segurança.

MOTOTAXISTAS COBRAM PRISÃO DE ASSASSINOS DE EVERALDO SOBRAL

Motociclistas protestaram no centro de Itabuna
Tempo de leitura: < 1 minuto

O corpo do mototaxista Everaldo Sobral Silva, de 45 anos, morto por bandidos na terça-feira, durante uma tentativa de assalto, entre os bairros Califórnia e Nova Califórnia, foi sepultado na tarde desta quarta-feira (10), no cemitério campo santo, em Itabuna. O crime causou revolta e mais apreensão aos colegas de profissão da vítima.

Logo após o enterro do corpo de Everaldo Sobral, os mototaxistas iniciaram, na rua Antônio Muniz, no bairro Pontalzinho, um buzinaço para cobrar a prisão dos envolvidos no crime. Eles seguiram com o protesto pela Avenida do Cinquentenário e encerram no início da Juracy Magalhães.

Os mototaxistas cobraram agilidade nas investigações do assassinato, prisão e condenação dos criminosos. Eles também querem que a Polícia Militar intensifique o combate a violência em Itabuna, principalmente, com ações para reduzir o número de assaltos contra os profissionais que trabalham com transporte de passageiros e entregas de encomenda.

 

TRABALHADOR É BALEADO E MORRE APÓS SOFRER TENTATIVA DE ASSALTO EM ITABUNA

Everaldo Sobral morreu depois de ser baleado
Tempo de leitura: < 1 minuto

A polícia ainda tenta prender dois homens que balearam e mataram um mototaxista, na terça-feira (9), no limite dos bairros Califórnia e Nova Califórnia, em Itabuna. Everaldo Sobral Silva, de 45 anos, foi atacado quando retornava para casa, no condomínio Jardim América, no bairro Nova Califórnia, depois de um dia de trabalho.

De acordo com informações preliminares, dois bandidos tentaram assaltar Everaldo Sobral, que ainda acelerou para escapar, mas acabou baleado. Ele chegou a ser levado parra o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães por uma equipe do Serviço Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192), mas faleceu horas depois da chegada na unidade.

Everaldo Sobral foi atingido, por pelo menos, três disparos. Evangélico, casado, ele era uma pessoa muito querida pelos amigos e colegas de profissão. No local da tentativa de assalto foram encontradas a motocicleta, uma moto Honda Fan, e sacolas de compras de alimentos da vítima.

CÂMERAS DE SEGURANÇA FLAGRAM TENTATIVA DE HOMICÍDIO NO CENTRO DE PORTO SEGURO

Atirador persegue homem e faz vários disparos no centro de Porto Seguro.
Tempo de leitura: < 1 minuto

Uma tentativa de assassinato, no centro de Porto Seguro, no extremo-sul da Bahia, na tarde desta segunda-feira (8), foi flagrado por câmeras de segurança. O ataque  ocorreu na rua Antônio Osório Batista, por volta das 15h30min. A vítima foi identificada como Ricardo de Souza Leite, de 30 anos.

Ricardo de Souza foi atacado ao descer de um carro. As imagens mostram que a vítima estava sendo seguida por dois homens em uma motocicleta, que não teve a placa identificada até o momento.  O  homem, que estava na garupa, desceu da moto e fez o primeiro disparo. A vítima ainda tentou fugir,  mas  foi perseguida e atingida outras vezes.

Depois dos disparo, o atirador retornou para a motocicleta e fugiu do local com o comparsa.  A polícia continua em busca dos suspeitos. Ricardo de Souza foi levado para o Hospital Luís Eduardo Magalhães por uma equipe do  Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Não há informações sobre o estado da vítima.

PAI E DOIS FILHOS SÃO SEQUESTRADOS E MORTOS EM ILHÉUS

A Polícia Civil de Ilhéus investiga mortes de pai e filhos
Tempo de leitura: < 1 minuto

Os corpos de três pessoas de uma mesma família foram encontrados em um terreno, nesta sexta-feira (29, em Acuípe de Baixo, em Ilhéus. De acordo com a polícia, pai e os dois filhos foram sequestrados por uma organização criminosa que atua no sul da Bahia. Idevaldo Silva de Andrade, de 40 anos, e os filhos Gabriel, 20, e Michel Santos de Andrade, 17, anos teriam sido mortos na noite de quinta-feira (28).

A polícia informou que as vítimas mortas a tiros e estavam com as mãos amarradas. A suspeita é de que o triplo homicídio tenha ocorrido por vingança, mas a polícia não descarta outras hipóteses. Não foi divulgado se as vítimas tinham passagem ou se são suspeitas de algum crime.

ILHÉUS: HOMEM É ASSASSINADO NO BANCO DA VITÓRIA

Jovem foi morto neste sábado em Ilhéus
Tempo de leitura: < 1 minuto

A polícia tenta identificar os homens que assassinaram um jovem, no final da tarde deste sábado (2), em um bar, no Banco da Vitória, em Ilhéus. A vítima Caio Santos da Costa, de 20 anos, foi morta com vários tiros por volta das 17h30min.

Morador do Banco da Vitória, Caio foi atingido com, pelo menos, três tiros. Ele estaria armado com um revólver. Ainda não há informações se o rapaz era envolvido com facções criminosas. Esse foi o primeiro assassinato registrado em Ilhéus neste ano.

POLÍCIA IDENTIFICA SUSPEITOS DE MATAR TURISTA CATARINENSE EM MARAÚ

Polícia identifica acusados de atirar em turista em Maraú
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Polícia Civil informou, nesta quarta-feira (30), que identificou quatro acusados de atirar na turista catarinense Andreza Maestri, de 44 anos, durante uma tentativa de assalto na noite do último dia 23, na BA-001, em Maraú, no sul da Bahia. Um pedido de prisão preventiva já foi solicitado à justiça para um dos suspeitos.

De acordo com a polícia, os acusados são três menores e um adulto. Além da preventiva para o homem, foi pedido apreensão dos adolescentes, que participaram da tentativa de assalto, que acabou com a turista baleada. Em coma, ela ficou internada no Hospital Costa do Cacau, em Ilhéus, onde acabou falecendo na terça-feira (29).

Segundo a polícia, Andreza Maestri e marido dela, Luciano Cunha, fugiram dos bandidos que tentaram interceptar o carro. Como não conseguiram concluir o assalto, os marginais atiraram contra o carro e acabaram atingido a turista, que estava grávida de cinco meses.

PRESOS SUSPEITOS DE MATAR DONO DE SUPERMERCADO EM TEIXEIRA DE FREITAS

Empresário morto em Teixeira de Freitas|| Fotomontagem Liberdade News
Tempo de leitura: < 1 minuto

Dois homens suspeitos de envolvimento no homicídio do empresário Carlos Alberto dos Santos. O crime ocorreu no dia 12 passado, em Teixeira de Freitas. Os suspeitos tiveram os mandados de prisão temporária cumpridos, nesta quarta (23), numa operação da Delegacia Territorial no município do extremo-sul.

A dupla trabalhava no supermercado da vítima e furtou cerca de R$ 160 mil, segundo a Polícia Civil. As investigações apontam que os suspeitos mandaram matar o empresário para que ele não ficasse sabendo do roubo e os denunciasse à polícia.

A quantia de R$ 48 mil foi recuperada pelos investigadores e uma parte do valor roubado, foi usada por um dos criminosos para comprar um imóvel e mobiliá-lo. Aparelhos eletrônicos, um ventilador, um tapete e um par de sapatos, comprados com o dinheiro subtraído, também foram apreendidos na ação.

A polícia apura se outros três homicídios, ocorridos recentemente na cidade, têm relação com a morte do empresário. Após o cumprimento dos mandados, expedidos pela 1ª Vara de Execuções Penais e Júri da Comarca de Teixeira de Freitas, a dupla passou por exames de lesões e foi encaminhada para o sistema prisional.

VIOLÊNCIA NO SÁBADO À NOITE: CANTOR DE SOFRÊNCIA E MOTORISTA DE APLICATIVOS ENTRE OS MORTOS

Como artista, Igor chegou a participar de alguns programas na televisão local.
Tempo de leitura: 2 minutos

A violência sem tréguas fez novas vítimas na noite de sábado, dia 19, em Itabuna, Camacan e Pau Brasil.

O motorista de aplicativo Julian Mendonça foi assassinado em frente ao colégio municipal, na Rua Bandeirantes, no bairro Ferradas em Itabuna, na noite deste sábado, dia 19, por volta das 23 horas. Ele seria residente no bairro de Fátima.

Antes, a vítima estava consumindo bebidas alcoólicas em um bar próximo ao local onde foi morto. Quando entrou no carro de placas JRG-6528, licenciado em Porto Seguro, para ir embora, Julian foi retirado por um grupo de homens.

Ele foi espancado, apedrejado e assassinado com requintes de crueldade. Seu rosto teria ficado desfigurado, tal a brutalidade do crime.

A Polícia Militar foi chamada, isolou a área do crime e acionou o Departamento de Polícia Técnica para o levantamento cadavérico. O fato será investigado pela Polícia Civil.

Em Jacareci, distrito de Camacan, o cantor Igor Santana Santos, foi assassinado a tiros por dois homens que estavam a bordo de uma moto.

A vítima bebia em um bar de propriedade do sogro, quando foi atacada com vários disparos de arma de fogo.

Igor ainda conseguiu correr por cerca de 40 metros, mais caiu em frente a uma padaria, foi alvejado novamente pelos atiradores.

Há um ano, em 13 de dezembro de 2019, Igor foi preso em Itabuna com arma, drogas e um veículo que teria sido utilizado na morte de um adolescente no bairro Conceição.

O corpo de Igor foi removido do distrito de Camacan por peritos criminais para o Departamento de Polícia Técnica de Itabuna, onde será feita a necropsia com a emissão de laudo cadavérico que será anexado ao inquérito aberto pela Polícia Civil de Camacan.

Na BA-120, que Pau Brasil a Itaju do Colônia, Vanilson dos Santos Silva, 27 anos, foi morto com um tiro na cabeça. O corpo da vítima foi encontrado no Km 6. Um irmão e um primo de Vanilson, estiveram no local e disseram para Polícia que a vítima não tinha envolvimento com a criminalidade.

Vanilson portava mochila com alguns objetos pessoais e documento de identificação. Peritos fizeram o levantamento cadavérico fazendo traslado do corpo para o Departamento de Polícia Técnica de Itabuna para os procedimentos criminais..

CASAL É MORTO A TIROS EM PORTO SEGURO; CRIANÇAS NÃO FORAM ATINGIDAS

Crime foi na noite de ontem
Tempo de leitura: < 1 minuto

Um casal foi morto na noite de quarta-feira (9), numa rua do bairro Fontana I, em Porto Seguro, no extremo-sul da Bahia. Júlio César Aparecido Silva e Lisandra Mara Moreira de Oliveira, 22 anos, estavam em um carro quando foram atingidos por vários tiros.

No veículo, Renault Duster, com placa de Porto Seguro, também estavam duas crianças, uma de um ano e a outra de seis anos. A criança mais nova foi amparada por moradores. A mais velha correu para dentro de um lava-jato. “Ela dizia: mataram minha mãe”, relatou uma pessoa que estava no local.

O casal e as crianças foram atingidos logo depois de saírem de uma lanchonete e posto de lavagem na Avenida Ubaldino Júnior. Eles  foram interceptados por bandidos a bordo de um automóvel branco. Moradores relatam que foram ouvidos mais de 30 tiros.

O corpo do homem foi encontrado no meio da rua. A mulher caiu ao lado da porta do passageiro. Pelos vestígios, o homem ainda saiu do carro, tentando escapar dos assassinos. As crianças não foram atingidas e já estão sob os cuidados do Conselho Tutelar da cidade.

Júlio César e Lisandra se mudaram de São São Paulo em outubro último. Em Porto Seguro, o homem trabalhava como  motorista por aplicativo. Mas a polícia investiga se ele tinha envolvimento com o tráfico de drogas. Do Radar 64.

POLÍCIA CONCLUI INQUÉRITO CONTRA ACUSADO DE ESPANCAR EX-NAMORADA EM ILHÉUS

Acusado de espancar ex-namorada é denunciado pelo Ministério Público
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Polícia Civil concluiu, nesta quinta-feira (29), o inquérito aberto para investigar um acusado de desferir 11 socos no rosto de uma mulher, em Ilhéus.  Agora, o inquérito será remetido à justiça, que acatou um pedido do Ministério Público da Bahia (MP-BA) e determinou a prisão do suspeito. 

O acusado pelas agressões é Carlos Samuel Freitas Costa Filho. Ele chegou a ser considerado foragido, mas se apresentou na sede da 7ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) no último dia 21 e está preso no presídio Ariston Cardoso, em Ilhéus.

De acordo com o delegado Evy Paternostro,  testemunhas relatam que Carlos Samuel só parou de espancar a ex-namorada Franciele Azevedo, de 26 anos, em via pública, no bairro Nelson Costa, porque um grupo de homens se aproximou com intenção de fazer justiça por conta própria.

Samuel Freitas Costa é acusado de envolver-se em diversas confusões e já foi condenado por agressão, mas ficou  famoso depois de ser flagrado espancando a ex-namorada. O vídeo com o acusado aplicando uma sequência de socos na vítima ganhou as redes sociais e repercutiu em todo o país.

Além do vídeo mostrando as agressões, a polícia anexou várias fotos ao documento que será encaminhado à Justiça. Feitas logo após a agressão que teriam ocorrido em junho deste ano, as fotos mostram os hematomas no olho e na boca da mulher.

BANDIDOS ARMADOS INVADEM CASA E MATAM GAROTO DE SETE ANOS NA BAHIA

Criança é assassinada em Iguaí. Bandidos procuravam pai do menino|| Foto IRepórter
Tempo de leitura: < 1 minuto

Um garoto de 7 anos foi morto a tiros dentro de casa em Iguaí, no sudoeste da Bahia, após 2 homens invadirem o imóvel em busca do pai dele, que foi baleado e sobreviveu. O crime ocorreu na sexta-feira (16), informou a Polícia Civil.

Os nomes das vítimas não foram divulgados. Segundo a Polícia Civil, um dos suspeitos já foi identificado, mas a polícia ainda não tem detalhes sobre a motivação do crime.

A Polícia Militar, que esteve no local do crime, detalhou que por volta das 19h30min de sexta-feira, militares da 8ª Companhia Independente de Polícia (CIPM/Itapetinga) foram acionados para averiguar disparos de arma de fogo, na rua Luís Azevedo Cerqueira, bairro Marinho Freitas, no município.

No local, os policiais não encontraram as vítimas, mas foram informados que duas pessoas tinham sido atingidas por disparos de arma de fogo. Disseram, ainda, que os feridos foram socorridos, por populares para Hospital Manoel Martins de Souza, na cidade, e que uma das vítimas não havia resistido aos ferimentos.

Os militares realizaram rondas e buscas nas imediações, mas não encontraram os suspeitos. O caso é investigado na delegacia de Iguaí. Ninguém foi preso. Do G1 BA.

HOMEM É MORTO A TIROS E DUAS MULHERES SÃO BALEADAS NO CENTRO DE ILHÉUS

Foguinho foi atingido com vários tiros no centro de Ilhéus
Tempo de leitura: < 1 minuto

Comerciantes, trabalhadores e consumidores viveram momentos de pânico, no início da tarde desta terça-feira (6), na rua Marquês de Paranaguá, no centro de Ilhéus.  Houve correria e gritaria no momento em que  um homem, ainda não identificado, sacou uma arma e fez vários disparos numa das ruas mais movimentas da cidade do sul da Bahia.

Pelo menos três pessoas foram atingidas. Uma delas foi identificada como Rodrigo José Santos da Silva, o “Foguinho”, de 26 anos, que seria morador do Alto da Legião. Ele morreu no local. De acordo com a polícia, o ataque está relacionado com a guerra entre facções criminosas.

Segundo a Polícia Civil, o atirador seria morador do Alto do Coqueiro  e  integrante de uma facção criminosa que atua no sul da Bahia. A vítima seria integrante de uma gangue rival, conforme informou o delegado Hélder Carvalho, que investiga o crime.

Além do morte do homem, duas mulheres foram baleadas e levadas para o Hospital Costa do Cacau, em Ilhéus. Uma dela foi atingida nas penas e a outra nas costas. Não foi informado o estado de saúde delas.

O ataque ocorreu por volta das 13h e a polícia ainda tenta prender o atirador, que fugiu a pé até o local onde um carro o esperava. A placa do veículo não identificada. A ação do atirador foi filmada por câmaras de estabelecimentos comerciais. O corpo de Rodrigo José Santos foi removido pelo Departamento da Polícia Técnica (DPT).

NÃO ACEITAR FIM DA RELAÇÃO É CAUSA DE 33% DAS AGRESSÕES A MULHERES, APONTA ESTUDO

Em um terço dos casos, origem das agressões estava em não aceitar fim de relação || Foto Marcos Santos/USP
Tempo de leitura: 2 minutos

A Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro analisou 107 processos em tramitação nos tribunais do júri fluminense, que julgam casos de atentado contra a vida. Mulheres entre 21 e 40 anos, atacadas em casa, à noite ou de madrugada, a faca ou a tiros, pelo companheiro ou ex-companheiro, é o perfil mais comum das vítimas de tentativa de feminicídio. A pesquisa traçou um panorama dos assassinatos de mulheres no estado. O levantamento foi divulgado hoje (6) para marcar o Dia Internacional da Mulher, que será comemorado no domingo (8).

Segundo a pesquisa, uma em cada três agressões é atribuída, pelo autor do crime, à dificuldade em aceitar o fim do relacionamento. Outros motivos foram discussão por razões diversas, vingança, ciúme, estupro e recusa da vítima em manter relação sexual.

A maior parte dos crimes ocorreu entre pessoas que namoravam, estavam casadas ou vivendo em união estável (40%) ou tinham uma relação anterior (42%), sendo que 62% dos relacionamentos eram de até cinco anos. Quase todas as mulheres foram submetidas a episódios anteriores, registrados ou não em delegacia, de violência doméstica. Segundo o estudo, muitas não denunciaram os agressores por medo ou porque foram coagidas por eles.

A maioria dos crimes ocorreu de noite (39%) ou de madrugada (34%). Juntos, observa-se que 73% dos crimes foram praticados no período de descanso. Além disso, em 72% dos casos, a agressão ocorreu na residência da vítima. Os autores utilizam, em 44% dos casos, uma faca para cometer o crime, seguida da arma de fogo (17%).

VIOLÊNCIA ANTERIOR

O trabalho consistiu na leitura e análise documental de processos sobre o assunto. Dos 107 processos estudados, ajuizados entre 1997 e 2019, 40 foram julgados, dos quais 31 terminaram em condenação. No total, 69 contêm relatos de violência doméstica anterior, apenas 23 dos quais anotados na folha de antecedentes criminais do autor.

“O que chama a atenção é que vários processos têm relatos de violência doméstica anterior, mas em muito poucos foi acionada a polícia ou houve o registro de ocorrência dessas violências anteriores. A gente tem que procurar entender por que tantas mulheres ainda vivenciam o ciclo da violência, mas não se socorrem das medidas protetivas de todo o sistema que a Lei Maria da Penha oferece para prevenir um fato mais grave”, disse a coordenadora de Defesa dos Direitos da Mulher da Defensoria, Flavia Nascimento.

INTIMAÇÃO

De acordo com a defensora pública, é preciso investir mais na qualificação e sensibilização dos profissionais que atuam na rede de proteção à mulher nos sistemas de justiça e de segurança pública para as questões de gênero.

Segundo Flavia, a dificuldade em intimar o réu é um dos motivos para o atraso nos julgamentos, mas a maior demora para a conclusão dos casos ocorre ainda na fase de inquérito policial. “Isso contribui para que a mulher desacredite no sistema de justiça como uma das alternativas para a solução do seu problema de violência doméstica”, acredita.

Para a diretora de Estudos e Pesquisas de Acesso à Justiça, Carolina Haber, coordenadora da pesquisa, o ciclo de violência atinge principalmente mulheres muito vulneráveis, vivendo em áreas carentes, com forte relação de dependência econômica com o agressor.

“O que o poder público tem que fazer é dar condições para que a mulher se sinta acolhida num primeiro momento. Se ela não chega a fazer registro na delegacia é porque, de fato, ela não vê o Estado como passível de prover uma política pública que dê acolhimento”.

COLUNA APONTA EXPLOSÃO DE MORTES VIOLENTAS NA BAHIA EM 2020

Bernardino estaria na corda-bamba por causa de crescimento no número de homicídios || Foto Carol Garcia/GovBA
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Coluna Satélite, do Correio24h, informou explosão de mortes violentas nos primeiros dois meses de 2020 na Bahia. De acordo com a coluna assinada pelo jornalista Jairo Costa Júnior, houve aumento de 20% no número de crimes violentos letais intencionais (CVLIs) no estado em janeiro e fevereiro deste ano no comparativo com 2019.

Houve salto não apenas na Região Metropolitana de Salvador, mas também em outras regiões da Bahia, conforme a coluna. Ainda de acordo com a Satélite, “a explosão da violência levou a SSP a restringir o acesso às estatísticas recentes sobre a criminalidade, disponíveis apenas para a equipe que compõe o núcleo-duro da pasta”.

O aumento crescente do número de homicídios e latrocínios, segundo a Satélite, teria reforçado os rumores de mudanças na chefia da Polícia Civil, com o delegado-geral, Bernardino Brito Filho, sendo possivelmente substituído pelo diretor do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), Marcelo Sansão, ou pela delegada-geral adjunta, Ana Carolina Rezende.

Back To Top