skip to Main Content
29 de maio de 2020 | 08:36 pm

ITABUNA PERDE “BISPO DO MNU”

Tempo de leitura: < 1 minuto

BISPOOs movimentos sociais no sul da Bahia perderam uma de suas mais ilustres figuras. José Bispo dos Santos, conhecido como Bispo do MNU (Movimento Negro Unificado), de 44 anos, faleceu na última terça (27), em Itabuna, vítima de um acidente vascular cerebral (AVC).

Militante do Partido dos Trabalhadores e chaveiro por profissão, Bispo foi presidente da Associação de Chaveiros de Itabuna e participou de debates importantes para o movimento negro, a exemplo das discussões sobre a implantação de cotas na Uesc (Universidade Estadual de Santa Cruz).

Coordenava um cursinho popular pré-ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) do MNU, que funcionava no Centro de Cultura Adonias Filho. “O movimento negro está de luto pela perda do companheiro Bispo, que dedicou grande parte da sua vida à luta contra o racismo. Ele é um exemplo de coragem e deixa um legado que nos inspira a continuar a luta por uma sociedade igualitária”, afirmou a professora Ivone Miranda, membro do MNU.

José Bispo foi sepultado na tarde desta quarta-feira, no cemitério do Campo Santo. Militantes do PT, do MNU e alunos do cursinho compareceram ao enterro.

Esta publicação possui 4 comentários
  1. A vida tem vários mistérios, e o maior deles é a morte. Nunca poderemos entender o porquê de um ente querido ter que partir. A dor que sentimos é imensurável. Nestas horas não há nenhuma palavra que possa ser dita que seja capaz de confortar os nossos corações. Tudo parece perder o sentido e ficar pequeno diante de tamanho sofrimento.
    A única coisa que nós, amigos e familiares, podemos fazer é nos colocarmos à disposição para ouvir no momento em que quiserem falar, e oferecer os nossos ombros e coração amigo, fique com deus meu amigo temos certeza que você vai estar em um bom lugar.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top